30 de nov

Dakar 2013

Próxima Aventura – No Caminho do Dakar

dakar 20136 300x121 Próxima Aventura   No Caminho do Dakar

Dakar 2013

… e resolvemos ir até o Peru para ver a Largada e acompanhar o Dakar, a maior e mais dura prova Off Road do Planeta!

Originalmente chamada de Paris-Dakar, hoje só Dakar, pois saia da Europa e, depois de percorrer o Sahara na África, sempre terminava no Senegal ou Dakar. A África começou a ficar muito insegura e, em 2008, ameaças na Mauritânea, fizeram com que, um dia antes do início, a Prova fosse cancelada.

Então a América do Sul passou a ser a “Estrada” do Dakar. A Largada do 2013 será em Lima no dia 05 de janeiro.

Somos quatro casais, de Fortaleza-CE, Ayrton e Daniela, Laércio e Vanessa, Haroldo e Heloisa e Wanglesdson, Eliana e Duda, em dois Trollers, uma Triton Savana e uma Hylux. Depois de 14 anos viajando de Troller eu e o Haroldo iremos em uma Triton-Savana. Colocaremos os carros em uma carreta para Porto Velho. Iremos de avião até lá. Subiremos os Andes pela Rodovia do Pacífico até Cuzco onde passaremos o Ano Novo. Privilégio para poucos! Desceremos para Nazca e depois Lima. Em Lima(Peru) assistiremos a Largada e…daí para frente muita poeira, emoção, acampamentos e alguns hotéis já reservados. Deixaremos o Dakar no Atacama e, depois de atravessá-lo mais uma vez, voltaremos para casa. Acompanhem-nos!

Ah! Teremos uma Mascote, uma linda menininha de três anos, filha de um dos casais, já se preparando para as estradas.

                                                                                          Heloisa Cunha

                                                

Finalmente o dia chegou!

 

Em época de fim de ano…os dias foram bem corridos. Para ir ao Aeroporto ás três da madrugada do dia 25, não conseguimos taxi. Fomos no nosso carro. Márcia, irmã do Haroldo, foi, mais tarde resgatá-lo. Os vôos foram bem tranqüilos . Porto Velho muito quente. Por coincidência nossos carros estavam no Posto vizinho ao Hotel. Ótimo! Foram arrumados e estamos prontos para seguir viagem. Hoje, 26 de dezembro, sairemos cedo. Queremos chegar a Rio Branco, no Acre. São uns 500km. Parece que a estrada está boa e temos uma balsa no Rio Madeira. Neste rio estão construindo as hidrelétricas de Jirau e Santo Antônio. Porto Velho, capital de Rondônia, antigo Território de Guaporé, quem se lembra? É uma cidade arrumadinha, de avenidas largas. Está crescendo bastante por conta da construção das duas hidrelétricas. Bem, o dia está amanhecendo. Vamos começar a viajar. Que bom!

Bem pessoal, custei muito a colocar meus comentários na página. Quase perdeu a graça! Peço desculpas.

Uma vez que o percurso até Lima – com excessão da ponte sobre o Rio Madre de Dios em Puerto Maldonado, que está pronta – está muito bem explicado e documentado na Viagem ao Equador, achei melhor, ao invés de descrever o dia a dia, comentar como é o Planejamento do “acompanhar o Dakar”.

Tudo começa quando você entra na página do Dakar 2013. Há um mapa com o roteiro oficial e todas as “cidades acampamento” com as datas das Largadas.

A partir daí você já com a informação sobre as cidades já pode fazer as reservas dos hoteis com bastante antecedência pois ficam lotados. Nós, por exemplo, mesmo tendo feito as reservas pelo Booking, com bastante antecedência, tivemos problemas em Nazca e Pisco com a Rede Casa Andina. Não ficamos na rua, mas quase. O Booking nos colocou em outros hotéis, claro, sem o mesmo conforto, pois foi de última hora.

Com as reservas prontas e as datas das Chegadas e Largadas só nos resta partir ao encontro da Aventura! Ao chegar a essas cidades é essencial, todos os dias, consultar a página para saber direitinho o horário de cada Largada. Isso é bom pois podemos programar os melhores pontos de observação durante todo o trajeto.

Os pontos são facilmente identificados pela quantidadede de pessoas nas dunas. No nosso caso, a gente ia pela Rodovia Panamericana e… ao vermos a multidão ou não, encarapitada no alto das dunas já saíamos da estrada e subíamos pelas altissimas dunas do deserto peruano. É necessário um 4×4. O impressionante é que muita gente deixa os 4×2 na estrada e vai a pé. Nem imagino uma coisa dessas! Não deixe de levar: bastante água, protetores para o rosto e lábios e lanche. para maior comodidade é bom levar uma cadeirinha e sombrinha. O Ayrton levou até vinho branco bem geladinho. Em cada parada dessas fazíamos uma festa. Muito bom! Sol muito forte e poeira. Os carros passando, caminhões, motos, os helicópteros de filmagem surgindo detrás das dunas voando baixinho por cima dos carros para filmá-los, sensacional! Valeu a pena! Em alguns pontos de observação a gente conseguiu ficar quase em cima da “estrada”. Dava para ver até os pilotos e co-pilotos!

Nos acampamentos não se pode entrar. Só se tiver la pulserita. Entramos no acampamento de Lima porque a coisa ainda não estava bem organizada. Nossos carros adesivados foram de grande valia. São imensos e muito movimentados pelos mecânicos, carros, motos, caminhões para todos os lados.

Na Panamericana na fase de deslocamentos, a gente podia ver os carros em direção aos acampamentos e, durante todo o percurso os carros de apoio parados ou andando e a grande quantidadede pessoas com bandeiras, música, acenos e torcida. Uma festa!

Em Calama, no Chile, abandonamos o Dakar e seguimos para San Pedro do Atacama. O Dakar seguiu para Salta na Argentina e dali para Tucumán e outras cidades até Santiago no Chile.

Soubemos depois que no trecho para Salta houve um temporal com enxurrada que arrastou o carro dos brasileiros, pois embora tenha sido consertado em Tucumán, quebrou logo depois. Nessas alturas o príncipe do Catar, principal atração no início do Dakar 2013, já havia “quebrado” também.

Em San Pedro fizemos vários passeios, pôr do sol no Valle de la Luna, Geiseres do El Tatio, lagoas do Altiplano, etc. Tentamos ver as Lagunas Verde e Colorada na Bolívia, mas os bolivianos haviam dinamitado a fronteira sei lá por quê. Quanta bobagem! Perdendo os dólares dos turistas, trabalhando contra eles mesmos. Vá entender! Fica para outra vez. De lá subimos os Andes pelo Paso Jama a quase 5000m de altitude e chegamos a Salta pela Ruta 52, considerada uma das estradas mais belas do mundo. Realmente espetacular! Ao entardecer, as cores mudando a cada curva e as formações em forma de renda nos fazem sentir privilegiados observadores da Natureza. Espetacular!

De Salta fomos pela estrada do Chaco, na Argentina e, entramos no Brasil por Foz do Iguaçu. Daí fomos para Curitiba onde colocamos os carros na cegonha. Muito bom! Gostei muito, muito, mas, uma vez só basta!

Agora estamos de partida para conhecer o Cristalino ao norte do Mato Grosso, em Alta Floresta. Só a chegada lá pela Tranzamazônica já é uma aventura. Vamos só eu e o Haroldo aproveitando suas férias fora de época na Universidade por causa da greve.

Vou ver se desta vez coloco pelo menos algumas notícias e no Face telegramas.

                                                                     Fortaleza, Heloisa Cunha.

5 respostas a Próxima Aventura – No Caminho do Dakar

  1. Célio Vieira disse:

    Cara Heloisa,
    Parabéns por mais uma empreitada que com certeza será coberta de êxito.
    Também estarei me lançando neste universo e partirei de Natal rumo aos Andes no dia 06 de janeiro, juntamente com minha filha que é estudante de jornalismo.
    Quen sabe não teremos o prazer de conhecer vocês pessoalmente, apesar de morarmos tão próximos.
    Um abraço e sucesso.
    Célio Vieira

  2. alexandre disse:

    oi prima
    mais uma vez vc num empreitada….parabens pela coragem e boa sorte..

    to seguindo….

    abração

    • Heloisa disse:

      Oi querido Alexandre, estou escrevendo o resto da aventura. Foi show! Uma experiência bem diferente. Nunca imaginei que o deserto do Peru tivesse dunas tão gigantescas. Muito sol, poeira e emoção. Para quem gosta! Bj Heloisa

  3. FRANCISCO SERPA disse:

    Boa noite Heloisa
    Onde vocês estão hoje, 08-01-2013?
    Eu e minha esposa estamos nos preparando para irmos a Lima e Machu Picchu em julho. Em uma caravana que partirá aqui do Paraná.
    Abs. e bom passeio.
    Chico Serpa

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>