21 de nov

Pintura sobre a saga dos Mormons-Utah

Mórmons, quem são?

 

entre idaho e wyoming alpine eua 300x225 Mórmons, quem são?

Heloisa. Entre Idaho e Wyoming: Alpine-EUA

P’ra falar a verdade foi a falta do nosso vinho, ao cair da tarde, e a dificuldade de encontrá-lo no Estado de Utah, também chamado de Estado dos Mórmons, que acendeu nossa curiosidade sobre eles. Segundo ouvíramos foram responsáveis, com sua fé, muita disciplina e trabalho, pela construção deste estado e, nada mais natural que estabelecessem sua regras de funcionamento. Mas, finalmente quem são eles, de onde vieram e que religião é essa de nome tão comprido? Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias. Nos fazíamos essas perguntas e, agora a caminho do Gran Teton, no carro, resolvemos dar uma lidinha para entendermos melhor tudo isso. Obviamente não nos tornamos experts, mas aprendemos algumas coisinhas interessantes que podemos contar.

Em 1830 um Senhor Smith, em NY, recebeu das mãos de um anjo algumas placas de ouro nas quais estavam escritos os fundamentos dessa nova religião. As placas sumiram (parece que os anjos levaram de volta) mas, o que elas diziam foi transcrito e constituem o hoje Livro dos Mórmons. Em pouco tempo o numero de adeptos aumentou muito e a nova Igreja passou a ser chamada de Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias.

O rápido crescimento e a organização geraram um movimento contrário, pois tinha se tornado uma igreja concorrente das outras já estabelecidas, de grande poder econômico e político, além do que, fazia parte dos preceitos dessa nova religião o direito à Poligamia, pelos homens (podiam ter várias mulheres), e isso na sociedade americana da época, altamente conservadora, era inaceitável!

Muita perseguição e morte marcaram esses anos até que os lideres resolveram que era chegada a hora de partirem para um lugar no qual pudessem viver exercer sua religião em paz. Partiram em grupos.

As carroças dos pioneiros gemem, os homens também, as mulheres e crianças choram. Atravessam rios, montanhas, lama, tempestades violentas, temperaturas extremas, fome, doenças, morte, mas o comboio continua sempre para o oeste no rumo do Great Salt Lake, seu novo lar – chamado de State of Deseret e, muitos anos depois, dizem, que só após a abolição da poligamia, de State of Utah – , seguindo uma trilha utilizada por séculos pelos índios. Morrer sim, desistir jamais. Entre 1840 a 1870 mais de 500.000 emigrantes se mudaram partindo de Navoo no estado de Illinois. Esta foi, de longe, a mais organizada migração em massa da história dos EUA. Até hoje existem trechos desta trilha conhecida como Mormon Pionner Trail, mas ao lado, em estrada asfaltada pode-se fazer o mesmo roteiro. Não foi fácil, imagino, e, só possível pela fé, organização, trabalho e muita disciplina. Existe um livro do Krakauer, o mesmo de No Ar Rarefeito e Na Natureza Selvagem, que conta toda esta saga. Seu nome: Pela bandeira do Paraíso (Cia. das Letras).

Ficamos muito impressionadas com a heroica caminhada. Ainda discutíamos alguns aspectos da história quando fomos obrigadas a interromper o assunto por um mais imediato. Constatamos, por avisos e no olho, que o nosso atalho para Jackson estava fechado. Havia um grande deslizamento interrompendo tudo. Estávamos em Alpine bem no entroncamento, divisa de Idaho e Wyoming. E agora? Voltamos até um hotelzinho para pedirmos informações e ficamos por lá mesmo. Pousadinha deliciosa. Era o dia 19 de maio de 2011. Flying Saddle Resort, U$72 o casal (eu e a Cristina). Apartamento delicioso, ótimo banho, com direito a uma linda caminhada ao entardecer. Apareceu-nos um animalzinho diferente que se deixou fotografar antes de fugir para um tubo que ia para o Rio Snake.

que bichinho e este alpine eua 300x225 Mórmons, quem são?

Que bichinho é este? Alpine-EUA

 A noite um Chef Mexicano conversou em espanhol e sugeriu-nos, para o jantar, salmão em uma pequena prancha de cedro com arroz selvagem e, para a Cristina uma massa de cogumelos com filé de frango e legumes, acompanhado de um excelente vinho da Califórnia. Tudo isso por U$65. Arrasou! Como dormimos! Fazia um friozinho gostoso. Maravilha viajar por estradas. Tem dessas surpresas. Sonhei com filas e filas de carroças atravessando as Rock Mountains. Quando acordamos tomamos um belo café da manhã, arrumamos o carro e pegamos a estrada para Jackson já fora do estado de Utah.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>